Jardins verticais e coberturas verdes

FUNCIONAMENTO
PODA / IRRIGAÇÃO / TRATAMENTOS


MANUTENÇÃO

A manutenção de um jardim vertical Vertia é realmente mais baixa do que se espera, principalmente quando comparada a manutenção de jardins com vasos ou calhas.

Os principais aspectos de manutenção são os seguintes:

BAIXA PODA

O crescimento das plantas é controlado por uma série de fatores tecnológicos e físicos, sendo os principais:

1- A fertirrigação regulada eletronicamente e com composição de fertilizantes feitas de acordo com o período pelo qual o jardim passa, resulta no crescimento controlado da folhagem.
2- Em caso de jardins internos a iluminação é projetada para cada caso específico, com índice de luminância e temperatura de cor tecnicamente adequados, o que determina um alto rendimento de fotossíntese (aumentando o desempenho de purificação do ar) e um baixo crescimento da planta.
3- A prensagem da raiz no substrato geotêxtil e o fato da planta receber todos os nutrientes sem grande esforço, desestimulam o crescimento das raízes. que diminui sensivelmente a necessidade de podas.

Este conjunto de características garantem uma sensível diminuição na necessidade de podas.

MENOS RISCOS DE DOENÇAS E INFESTAÇÕES

Como os jardins verticais Vertia eliminam a necessidade de terra, ocorre a diminuição da quantidade de elementos orgânicos no sistema, elementos estes que trazem consigo fungos, doenças, insetos ou ervas daninhas.

PLANTAS COM MAIOR LONGEVIDADE

O fato das plantas não estarem dentro de vasos permite que suas raízes cresçam livremente, sem limites de espaço. Isso elimina a necessidade de troca de plantas quando as mesmas crescem em vasos, já que nestes casos a raiz se desenvolvem até o ponto de sufocar-se por falta de espaço, caso não sejam transferidas para vasos maiores.

GRANDE RESISTÊNCIA ESTRUTURAL

O sistema de fixação das plantas na estrutura é extremamente resistente, o que evita de modo muito eficiente possíveis quedas por ventos, chuvas, choques, tração, peso da planta (fator que aumenta consideravelmente em jardins com mais de 3 anos) ou qualquer outro tipo de situação.

O PROCESSO

Esta é uma descrição passo-a-passo de como se faz um jardim vertical Vertia

Cada jardim Vertia é projetado de modo a contemplar as particularidades dos espaços onde serão inseridos, otimizando as características positivas e minimizando eventuais problemas, tais como sensação de espaço reduzido, falta de ventilação natural, paredes com acabamentos ou formas estranhas, isolamento térmico e acústico, falta de janelas, etc.

Normalmente o design do jardim é feito por nós, mas pode acontecer do responsável pelo projeto acrescentar detalhes como uma determinada forma ou algumas plantas específicas, desde que isso seja tecnicamente viável.

Após aprovação do projeto, se implanta o hardware necessário para que o jardim funcione (instalações hidráulicas e elétricas), e fazemos uma análise se a obra está pronta para a instalação final do jardim, já que esta fase é delicada e só pode acontecer com o ambiente limpo e livre de possíveis fontes de poeira e sujeira.

Então montamos o sistema de irrigação e simultaneamente a estrutura vai sendo preparada, com fixação dos perfis e dos painéis que servirão como base para o geotêxtil especial que é colocado logo depois.

Com o substrato têxtil fixado, transferimos o desenho do papel para a futura parede verde e iniciamos o processo de preparação e replante das plantas selecionadas, o que é feito com muita perícia. É quando o jardim começa a aparecer!

As plantas vão sendo colocadas uma a uma de acordo com critérios técnicos, e dependendo do tamanho e da localização do jardim, o processo de replante pode demorar de apenas um dia até mais de um mês. O resultado é imediato: caso seja necessário o jardim vertical Vertia já se mostra pronto apenas terminado o replantio!

Este resultado imediato se deve ao fato do jardim vertical Vertia não usar vasos na estrutura, isso permite a colocação das plantas de acordo com o seu tamanho, de modo que a folhagem, mesmo que pequena, impeça a visão da estrutura do jardim.

Por ser uma estrutura muito leve (cerca de 25kg/m² com plantas), o jardim vertical Vertia pode ser montado até mesmo em paredes de gesso. O mais interessante é que, como o nosso sistema isola a umidade de maneira extremamente eficiente, não é necessário o tratamento de impermeabilização em qualquer tipo de parede onde será montado nosso jardim!

Veja o filme ao lado, feito na sede da empresa alemã Sedus na Itália em 2011, que ilustra muito bem todo o processo de montagem da estrutura e plantio das espécies.

O RESULTADO

ESTÉTICA: o jardim vertical Vertia tem um impacto estético impressionante e ao mesmo tempo se harmoniza em qualquer situação. Pela incomparável versatilidade em variedade de desenhos, formas, cores e texturas, nossos jardins valorizam espaços internos ou externos de maneira leve e integrada aos mais diversos estilos de ambiente.

SUSTENTABILIDADE: o alto índice de purificação do ar ajuda a melhorar as condições atmosféricas tanto em ambientes fechados com ao ar livre. Isso se deve à incrível concentração de plantas por m² de um jardim vertical Vertia, outra característica incomparável quando se consideram as opções disponíveis no mercado. São entre 15 e 30 plantas por m², quantidade que realmente beneficia a produção de oxigênio e a retirada de gases tóxicos e partículas suspensas do meio ambiente. Além disso, o sistema ajuda a umidificar o ar em ambientes com ar condicionado, melhorando consideravelmente as condições atmosféricas nestes espaços.

BEM ESTAR: o fato de trazer a natureza para espaços onde ela dificilmente estaria presente produz um bem estar muito prazeiroso para quem vivencia estes ambientes. Estar mais próximo à natureza traz um conforto que se traduz em mais disposição, mais alegria, mais criatividade, mais conexões emotivas com o local, entre outras coisas benéficas para as pessoas.

RENDIMENTO: em nível corporativo estes benefícios se traduzem em maior rendimento no trabalho (que pode chegar a mais de10%), maior disposição para ir ao trabalho, mais apego à empresa e mais valorização dos espaços corporativos.

IMAGEM: para as corporações que já têm uma identidade fortemente ligada à sustentabilidade, montar um jardim vertical Vertia é uma excelente ação para demonstrar de forma tangível esta conexão, tanto para clientes como para funcionários. Para empresas que buscam a formação de imagem coligada à sustentabilidade, é praticamente essencial que a natureza faça parte de seus espaços físicos. Neste momento apresentar-se com um jardim vertical Vertia torna-se uma forma inteligente e impactante para mostrar-se.